Na próxima terça-feira (dia 19 de março), os médicos pernambucanos vão às urnas para eleger a nova diretoria do Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) para o triênio 2019-2022. Além de escolher os novos diretores, a categoria vai definir os novos membros do Conselho Fiscal da entidade, bem como, os delegados e diretores das regionais de Caruaru, Petrolina, Garanhuns e Ouricuri. Cerca de 6 mil médicos em todo o estado estão aptos a votar.

Este ano às eleições do Simepe não terão bate-chapa. Apenas a Chapa 1 apresentou candidatos. Claudia Beatriz Camara, atual vice-presidente, é a candidata a presidente da entidade. Ela tem como companheiro de chapa Walber Steffano, que disputa à vice-presidência. O atual presidente Tadeu Calheiros é candidato à Secretário Geral.
Mauriceia Pereira Ferreira é candidata ao comando da Diretoria Regional de Serra Talhada. Enquanto Ana Carolina Oliveira Tabosa disputa a Diretoria Regional de Caruaru. A Diretoria Regional de Garanhuns tem como candidata Cláudia Regina Barros. Em Ouricuri, Janilson Barros de Sá disputa o comando da Diretoria Regional.

Cláudia Beatriz Câmara é ginecologista, obstetra, tornou-se médica em 1993 pela Universidade de Pernambuco (UPE) e trabalhou durante muito tempo na atenção primária. Em 2008 ingressou na atividade sindical. Desde 1993 uma mulher não ocupa o cargo de presidente no SIMEPE.

Embora a eleição seja de chapa única, Cláudia Beatriz destaca que o comparecimento às urnas é fundamental para demonstrar a gestores públicos e empregadores do setor a força e união da categoria médica em Pernambuco.

Podem participar das eleições todos dos médicos associados ao Simepe que estejam quites em relação aos débitos junto a tesouraria. As eleições começam às 8 horas da manhã e prosseguirão até às 21 horas. São mais de 30 locais de votação espalhados por todas as regiões do Estado. A nova diretoria e o Conselho Fiscal serão eleitos em cédulas separadas, conforme prevê o Estatuto Social do Simepe.