O ministro da Justiça Sergio Moro foi presenteado nesta quarta-feira (11) por um artista plástico, com uma escultura do seu rosto formado por cartuchos de munição. A obra, do mesmo autor, é semelhante à placa dada ao presidente Jair Bolsonaro no dia da criação do seu partido, Aliança pelo Brasil.

Responsável pelo envio do pacote anti-crime ao Congresso, com o criticado excludente de ilicitude que foi vetado antes da aprovação, Moro posou para foto ao lado do artista carioca e da placa de projéteis..

A imagem foi compartilhada pelo perfil oficial do PSOL, que denominou como “lamentável” a homenagem feita ao ex-juiz federal, que integra o “governo do fetiche pela morte”.

Ver imagem no Twitter